Mensagem semanal



A lição do Túmulo vazio

No último domingo, dia 21 de abril, a Palavra do culto da manhã foi trazida pelo Rev. Emerson Orenha, que se baseou no seguinte texto bíblico:

"Depois do sábado, tendo começado o primeiro dia da semana, Maria Madalena e a outra Maria foram ver o sepulcro. E eis que sobreveio um grande terremoto, pois um anjo do Senhor desceu dos céus e, chegando ao sepulcro, rolou a pedra da entrada e assentou-se sobre ela. Sua aparência era como um relâmpago, e suas vestes eram brancas como a neve. Os guardas tremeram de medo e ficaram como mortos. O anjo disse às mulheres: “Não tenham medo! Sei que vocês estão procurando Jesus, que foi crucificado. Ele não está aqui; ressuscitou, como tinha dito. Venham ver o lugar onde ele jazia. Vão depressa e digam aos discípulos dele: Ele ressuscitou dentre os mortos e está indo adiante de vocês para a Galiléia. Lá vocês o verão. Notem que eu já os avisei”. As mulheres saíram depressa do sepulcro, amedrontadas e cheias de alegria, e foram correndo anunciá-lo aos discípulos de Jesus. De repente, Jesus as encontrou e disse: “Salve!” Elas se aproximaram dele, abraçaram-lhe os pés e o adoraram. Então Jesus lhes disse: “Não tenham medo. Vão dizer a meus irmãos que se dirijam para a Galiléia; lá eles me verão”. (Mateus 28:1-10).

A mensagem se baseou nos seguintes pontos:

1. O túmulo vazio revela o poder e a glória de Deus;
2. O túmulo vazio nos faz enxergar uma nova perspectiva da realidade;
3. O túmulo vazio nos leva a proclamar as boas-novas.

Escute aqui a pregação na íntegra: 

O JavaScript está desabilitado!
Para ver esse contúdo, você precisa de um browser capaz de reconhecer JavaScript.

Você também pode fazer download da mensagem aqui.

 

A vida pede um pouco mais de paciência

No último domingo, dia 14 de abril, a Palavra do culto da manhã foi trazida pela Revª. Priscila Kume, que se baseou no seguinte texto bíblico:

“Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio. Contra essas coisas não há lei”. (Gálatas 5:22-23).

“Mas também nos gloriamos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a paciência, e a paciência a experiência, e a experiência a esperança. E a esperança não traz confusão, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado”. (Romanos 5:3-5).

A mensagem se baseou nos seguintes pontos:

1) A paciência é uma virtude daqueles que se relacionam com Deus;
2) A paciência nos faz agir com sabedoria;
3) A paciência nos ajuda vencer o desânimo.

Escute aqui a pregação na íntegra: 

O JavaScript está desabilitado!
Para ver esse contúdo, você precisa de um browser capaz de reconhecer JavaScript.

Você também pode fazer download da mensagem aqui.

 

Frutificando a paz

No último domingo, dia 07 de abril, a Palavra do culto da manhã foi trazida pelo Rev. Cristiano Zioli, que se baseou no seguinte texto bíblico:

“Não imaginem que vim trazer paz à terra! Não vim trazer paz, mas a espada. ‘Vim para pôr o homem contra seu pai, a filha contra sua mãe, e a nora contra sua sogra. Seus inimigos estarão em sua própria casa’. “Quem ama seu pai ou sua mãe mais que a mim não é digno de mim; e quem ama seu filho ou sua filha mais que a mim não é digno de mim. Quem se recusa a tomar sua cruz e me seguir não é digno de mim. Quem se apegar à própria vida a perderá; mas quem abrir mão de sua vida por minha causa a encontrará". (Mateus 10:34-39).

Escute aqui a pregação na íntegra: 

O JavaScript está desabilitado!
Para ver esse contúdo, você precisa de um browser capaz de reconhecer JavaScript.

Você também pode fazer download da mensagem aqui.

 

Frutificar o Fruto do Espírito


No último domingo, dia 24 de março, a Palavra do culto da manhã foi trazida pelo Rev. Cristiano Zioli, que se baseou no seguinte texto bíblico:

"Amados, continuemos a amar uns aos outros, pois o amor vem de Deus. Quem ama é nascido de Deus e conhece a Deus. Quem não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor". (1 João 4: 7 e 8).

 

Para frutificar o fruto do Espírito amor, é necessário entendermos que:

1. Só ama verdadeiramente quem conhece a Jesus;
2. Só produz o fruto amor, quem entende o valor da encarnação de Cristo.


Escute aqui a pregação na íntegra: 

O JavaScript está desabilitado!
Para ver esse contúdo, você precisa de um browser capaz de reconhecer JavaScript.

Você também pode fazer download da mensagem aqui.

 

Frutificar em tempos secos

No último domingo, dia 17 de março, a Palavra do culto da manhã foi trazida pela Revª Priscila Kume, que se baseou no seguinte texto bíblico:

"A mão do Senhor estava sobre mim, e por seu Espírito ele me levou a um vale cheio de ossos. Ele me levou de um lado para outro, e pude ver que era enorme o número de ossos no vale, e que os ossos estavam muito secos. Ele me perguntou: "Filho do homem, esses ossos poderão tornar a viver? " Eu respondi: "Ó Soberano Senhor, só tu o sabes". Então ele me disse: "Profetize a esses ossos e diga-lhes: ‘Ossos secos, ouçam a palavra do Senhor! Assim diz o Soberano Senhor a estes ossos: Farei um espírito entrar em vocês, e vocês terão vida. Porei tendões em vocês e farei aparecer carne sobre vocês e os cobrirei com pele; porei um espírito em vocês, e vocês terão vida. Então vocês saberão que eu sou o Senhor’ ". E eu profetizei conforme a ordem recebida. E, enquanto profetizava, houve um barulho, um som de chocalho, e os ossos se juntaram, osso com osso. Olhei, e os ossos foram cobertos de tendões e de carne, e depois de pele, mas não havia espírito neles. A seguir ele me disse: "Profetize ao espírito; profetize, filho do homem, e diga-lhe: ‘Assim diz o Soberano Senhor: Venha desde os quatro ventos, ó espírito, e sopre dentro desses mortos, para que vivam’ ". Profetizei conforme a ordem recebida, e o espírito entrou neles; eles receberam vida e se puseram de pé. Era um exército enorme! Então ele me disse: "Filho do homem, esses ossos são toda a nação de Israel. Eles dizem: ‘Nossos ossos se secaram e nossa esperança se foi; fomos exterminados’. Por isso profetize e diga-lhes: ‘Assim diz o Soberano Senhor: Ó meu povo, vou abrir os seus túmulos e fazê-los sair; trarei vocês de volta à terra de Israel. E, quando eu abrir os seus túmulos e os fizer sair, vocês, meu povo, saberão que eu sou o Senhor. Porei o meu Espírito em vocês, e vocês viverão, e eu os estabelecerei em sua própria terra. Então vocês saberão que eu, o Senhor, falei, e o fiz seus companheiros, palavra do Senhor’ ".(Ezequiel 37:1-14).

A mensagem se baseou nos seguintes pontos:

Para frutificar em tempos secos, é necessário entendermos que:

1. Em meio ao vale de ossos secos, o Espírito de Deus revela o estade de sequidão espiritual;
2. Em meio ao vale de ossos secos, o Espírito de Deus revela o seu poder restaurador;
3. Em meio ao vale de ossos secos, o Espírito de Deus anuncia um tempo de avivamento.

Escute aqui a pregação na íntegra: 

O JavaScript está desabilitado!
Para ver esse contúdo, você precisa de um browser capaz de reconhecer JavaScript.

Você também pode fazer download da mensagem aqui.

 
Pagina 1 de 119

Acesso Área Restrita

rss

Não foi especificada a URL da fonte de notícias.
Você está aqui: Início